Havaianas Slim Turkish!

Mais uma da Havaianas. Inspirada nas Mil e Uma Noites a marca criou modelos com motivos turcos. As sandálias Slim Turkish vieram em cores extravagantes e com tons e brilhos metálicos, esses brilhos são em aplicações metálicas que lembram a arte da Mandala.

Para usar no verão!

Entra verão e saí verão e o Brasil continua sendo o centro de tendências tropicais. A cada estação, você encontra as peças-coringa recheadas de novas roupagens e cores pelas ruas, que traduzem realmente a entrada desta estação. Chegou a época de viajar, ir para lugares com uma rotina de praia o dia todo e noite agitada com os amigos! Aí vem a dúvida: o que usar quando não estiver na praia? E sim em uma balada de verão!

  • Os tradicionais vestidos curtos desta nossa estação vêm soltos e em estampas florais, seja em libety (flores pequenas) ou grande.
  • Os vestidos longos também se tornam, nessa estação, super úteis. E a boa pedida para esse tipo de vestido é levar um cintinho fininho, ele vai bem para quem quer deixar a cintura marcada!
  • Short jeans SEMPRE, sempre será uma peça versátil de típica de verão. Lavagens claras e jeans rascados dão um ar de “detonado chique” ao short nesta estação quando misturamos com os acessórios mais glamurosos. Pra quem é mais gordinha, pode optar em usar os modelos mais folgadinhos com batinhas e cintos de couro, no quadril ta?
  • Levar um cardigã também é uma opção boa, isso pode soar estranho nas tendências do verão, mas quando passamos o dia na praia o corpo esquenta e a noite bate aquele friozinho. Prefira os mais fininhos e nas cores claras ou podendo até optar pelo coral.
  • O colete também fica nessa ala, de complementar look, ele da um ar bem moderninho. É sempre bom misturá-lo com roupas bem femininas – tipo saia, vestido – para quebrar a referencia masculina que a peça trás.

Essa postagem foi para uma leitora que me pediu idéias de roupas para usar nos shows de Tamandaré, espero ter ajudado! 😉

 

Fantasias reais para carnaval.

Esse é o primeiro post de muitos que ainda virão até lá!
Porque assim como todo ano em janeiro começa a “rotina” de bailes, desfiles, festinhas a caráter e a gente fica na maior dúvida do que vestir, ou melhor, se fantasiar. A melhor coisa é inovar em detalhes que você mesma pode tentar fazer e criar, criação essa que vem do real e não um disfarce por completo. Bom mesmo é deixar a fantasia com cara de sua, ser uma mulher fantasiada no carnaval e ao mesmo tempo não deixar de ser a Patrícia, a Maria, a Aline do dia a dia.